sábado, 10 de março de 2012

Willian Shakespeare escreveu: "Não te amo com os olhos que percebem mil defeitos em ti, mas com o coração que, apesar do que vê, adora se apaixonar..." 
É... o problema é que as vezes um coração cego de amor deixa de ver a maldade que mora ali perto, no fundo dos olhos dela...

Nenhum comentário:

Postar um comentário