sábado, 11 de fevereiro de 2012


Ei, você, olhe para mim. Tente enxergar a minha alma, dando sorte podes decifrar meu coração, e ele então será seu. Por favor, eu só preciso que alguém realmente se importe.


Caroline Targino

Nenhum comentário:

Postar um comentário