quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Sergio Saas - Mãe



Sou muito grata a Deus por te-la em minha vida.
Mas é impossível não ter saudade daqueles momentos...
Hoje sonhei que estávamos brincando de pique-esconde.
Sinto falta da sua voz como antes, teu sorriso lindo, a forma delicada em que passava batom (sempre o vermelho rs) nos lábios, se olhando no espelho, quando me acordava de madrugada pra me dar dengo, sinto falta das idas ao banco, de andar a pé até Estrada da Porteira na casa da vó... Eu com preguiça de ir, mas vc sempre me convencia em troca de um picolé de chocolate...
Sinto falta das nossas brincadeiras... 
E até mesmo você fazendo a contagem dos pontos até chegar a casa da minha avó, já que eu sempre ficava mega enjoada e você fazia de tudo para distrair minha atenção, para que eu não pagasse aqueles micos!!!
De quando deitava em seu colo e você fazia cafuné em meus cabelos, carinho nas costas com a ponta das suas unhas... era tão bom!!!
Eu fingia que estava dormindo só pra ficar mais tempo recebendo seu carinho!!!
Quem lê pensa que vivi isso durante toda minha vida, mas só desfrutei disso durante 6 anos e foi único.
Eu jamais vou esquecer... ta certo que não consigo lembrar mais da sua voz como era antes...
Nem das suas caras e bocas... álias acho que puxei isso da Senhora...
E também a sua personalidade.
Já a Beiça, lembra tanto você, as vezes olhando pra ela me pego pensando em você. Ela consegue desempenhar bem o papel de segunda mãe viu... rs
Sei que não sou tão bela quanto você mas acho que um pouquinho de semelhança eu tenho, apesar de sempre ouvir... sua irmã e a cara de sua mãe...
Acho que pelo menos 15% do sorriso eu tenho heim rs
Ah, e o cabelo armado como o seu ...
Ah mãe, eu te amo tanto... queria poder fazer mais... de verdade que eu queria.
Mas só Deus pode fazer. E você mesma.
Sei que na eternidade vamos nos encontrar e lá não existirá mais dor, nem pranto, nem doença, nem depressão, nem angústia... e adoraremos a Deus juntas.

Te amo demais...


Mas sinto SAUDADE de antes....

Nenhum comentário:

Postar um comentário