domingo, 17 de abril de 2011

(Diário de uma Paixão)



Sabe, Lindsay, eu achava que eram só cócegas no coração o que eu sentia por você. Que três dias depois eu esqueceria o seu sorrisinho idiota.
— Ele sorriu brevemente. — Mas passaram-se três dias, três noites, três semanas, meses, anos… e você se recusa a deixar meus sonhos. O cheiro da sua pele insiste em me entorpecer. Ele continua lá. Está impregnado nos meus lençóis. Eu tentei lavá-los, mandei pra mil e uma lavanderias, mas advinha? Ele continua lá. Ele é quase tão teimoso quanto você!
— Jeremy sorri, e enxuga as poucas lágrimas que rolam. — Sabe, uma vez meu pai disse que homens não têm sentimentos. Eles apenas usam a palavra “amor” para machucarem. Usam como desculpa pra que não se sintam sozinhos, pra que tenham com quem dormir à noite. Eu me sinto sozinho, amor, tão sozinho… Sinto falta de poder dormir abraçado com você, sinto falta de te aquecer..

Amo esse filme!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário